O fracasso do 1º vencedor de “Ídolos”

sdadsa.png
Faltou foco ao vencedor de “Ídolos”, Leandro Lopes, o que o impediu de emplacar no mercado fonográfico brasileiro. É o que afirma Arnaldo Saccomani, um dos quatro jurados do programa do SBT que está em sua segunda edição.

“Por Você”, álbum de Leandro que chegou às lojas em outubro do ano passado, vendeu um pouco mais de 40 mil cópias até agora. Se eu faço uma projeção de 40 mil, perco meu emprego. Um disco desses tem que chegar a um milhão de cópias”, diz o jurado e produtor, que já trabalhou com músicos como Tim Maia e Mamonas Assassinas.

Para fins de comparação, o conjunto Br’Oz –que surgiu de outro reality show do SBT, o “Popstars”– ultrapassou os 320 mil discos vendidos em um ano com seu álbum homônimo. “Ídolos” diz procurar “uma nova voz da música brasileira”.

“Para o fazer sucesso, o cara precisa tocar nas rádios, e elas são segmentadas. Esses cantores que ficam no meio termo não têm onde tocar. O Leandro tinha que ser mais popular, o cara é do povão, mas o disco ficou chique demais.”

OU SEJA, “ÍDOLOS” NO BRASIL NÃO LANÇA ÍDOLOS.

2 Responses to “O fracasso do 1º vencedor de “Ídolos””


  1. 2 Leilinha Diniz dezembro 12, 2007 às 5:56 pm

    Não sei pq aqui no Brasil essas coisinhas não dão certo… aff…


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s





%d blogueiros gostam disto: